- História do Município
   
  - Fale com a Prefeitura

- Telefones regionais
   
  - Patrimônio Cultural

- Diário Eletrônico

- Portal da Transparência

- Decretos

- Portarias

- Documentos Públicos

- Legislação

- Licitações
   
  - Gabinete do Prefeito

- Secretarias

- Notícias

- Perguntas Freqüentes

- Mídias e Fotos
  NOTÍCIAS
     
  Senar leva curso de Agente de Turismo Rural a Marliéria
08/06/2018
 
     
 
Considerado porta de entrada para a reserva ecológica e tendo boa parte do seu território demarcado pelo Parque Estadual do Rio Doce (PERD), o município de Marliéria abriu as portas para o programa de Qualificação para Agente de Turismo Rural do Senar Minas e tem sido sucesso entre os alunos, que, animados, já fazem planos para um futuro próximo antes mesmo do término da capacitação, dividida em seis módulos.

Sílvia Aparecida Castro Gonçalves, junto com outros 14 colegas de turma, está no módulo 3 do curso. Ela conta que sonha em colocar em prática um projeto voltado para a condução de turistas para roteiro de informações e, até mesmo, para a prática de trilhas. “Estamos tendo aulas e experiências incríveis com a instrutora. Sei que tenho bastante trabalho pela frente, mas quero aproveitar as potencialidades da região e o curso oferece o necessário para a implantação da atividade turística. Estou bastante confiante”, comemora a aluna.


No Parque Estadual do Rio Doce, alunos têm aulas sobre acidentes com animais peçonhentos

De acordo com a instrutora Ana Edwiges Braga, a expectativa é que os alunos desenvolvam seu próprio negócio, descobrindo, explorando e fortalecendo o turismo junto à comunidade. “Todos os módulos são envolventes. No primeiro módulo vem a descoberta dos produtos e serviços a serem trabalhados de acordo com as potencialidades e particularidades, o conhecimento do mercado de trabalho. O segundo módulo, a importância da segurança, abrindo a visão para a prevenção por todo o trade turístico. No módulo 3, os alunos conhecem a condução do turista em áreas naturais e histórico-culturais, a hospitalidade e o atendimento. A partir daí, eles descobrem a magia do serviço de alimentação, finalizando com a cadeia produtiva e formatação dos produtos por eles identificados. Cada turma é uma novidade, o crescimento e aprendizado deles junto ao instrutor é único”, explica.

A previsão é que o curso termine em agosto deste ano. Ao todo estão sendo atendidas pessoas dos municípios de Dionísio, Conceição de Minas e Jaguaraçú e Marliéria.

Clique aqui para ler este artigo em nosso site.