- História do Município
   
  - Fale com a Prefeitura

- Telefones regionais
   
  - Patrimônio Cultural

- Diário Eletrônico

- Portal da Transparência

- Decretos

- Portarias

- Documentos Públicos

- Legislação

- Licitações
   
  - Gabinete do Prefeito

- Secretarias

- Notícias

- Perguntas Freqüentes

- Mídias e Fotos
  NOTÍCIAS
     
  Resultado dos trabalhos de combate ao fogo no sábado e domingo, dias 08 e 09/11/2019.
10/11/2019
 
     
 

Mantendo a estratégia de prioridades definidas pela central de comando para as atuação das equipes de campo, que definiu como prioridades: Proteção de nascentes, maciços florestais, propriedades ou residências, além da segurança das pessoas envolvidas na operação e moradores da região, foram distribuídas as equipes por toda a área atingida.
No Sábado, foram lançados a campo: 10 bombeiros militares; 09 brigadistas da Cenibra; 14 brigadistas da prefeitura de Marliéria e 15 brigadistas da prefeitura de Jaguaraçu, além de dois brigadistas voluntários em Marliéria.
Sendo a topografia complexa e a extensão da área atingida muito grande, para definição da distribuição do pessoal de campo, o comando realiza sobrevoos no Helicóptero Carcará II, da Polícia Civil, coletando as informações da evolução do fogo, nos flancos e no interior da área atingida, de forma a otimizar os trabalhos empenhando as equipes e recursos conforme a necessidade, usando também os sobrevoos como ferramenta de monitoramento do fogo e do resultado dos trabalhos de combate, seja durante o dia, para reposicionamento do pessoal, seja ao final do dia, para reunir informações a serem utilizadas no planejamento para o dia seguinte.
Durante o sábado, grande parte do contingente foi empenhado em pontos estratégicos do Bonfim, onde foi possível controlar e extinguir vários focos, mas, onde também aconteceram situações de descontrole, com o fogo alcançando a ala direita do Bonfim, pela lateral do pico do Machado, descendo pelo fundo do Vale do Machado, sentido a Marliéria, avançando pelo cume do morro, também sentido a Marliéria, abrindo ainda outro flanco, sentido ao fundo do Vale do Bonfin.
Do lado da Jacuba, onde foi empenhada outra equipe de Brigadistas, além de máquinas para a confecção de aceiros, conseguiram controlar alguns focos que avançavam em direção ao interior da reserva, mas, não foi possível extinguir todos os focos.
No flanco direito do aceiro, próximo ao Pico do Machado, o fogo está avançando sentido a Grota dos Macacos e uma linha de fogo que foi pelo centro, até a cabeceira da cachoeira, foi circulada por aceiros, tendendo a ser extinta quando chegar nestes aceiros, uma vez que o combate direto é inviável, em função da topografia e do porte da vegetação
No Domingo, durante todo o dia, bombeiros e brigadistas atuaram em duas frentes, sendo uma na encosta ao sul do pico do Machado, próxima a estrada que dá acesso a Marliéria, para evitar que o fogo saltasse esta estrada, caminhando rumo ao Antunes e ao Jacroá, além do fundo do vale que desce do Machado até Marliéria, onde o fogo chegou a partir da encosta da serra, precisando ser contido para não ultrapassar a estrada e alcançar a encosta contrária.
Outra equipe continuou os trabalhos de construção mecanizada de aceiros na área da reserva da jacuba, realizando o monitoramento e combate nos locais em que isto era necessário e possível.
Na noite de domingo, o fogo chegou aos fundos da cidade de Marliéria, queimando a vegetação existente no lado esquerdo do vale até a área urbana, aproximando-se das residências em alguns pontos, onde é contido e extinto.
No final do dia, na região da “Fazenda Vermelha”, na Jacuba, o fogo saltou o aceiro, estando avançando novamente em dois flancos, sentido a cachoeira e no sentido contrário, em direção a Marliéria.